Remuneração de Sócios – qual a melhor forma?

Benefícios da governança corporativa para pequenas e médias empresas
Benefícios da governança corporativa para pequenas e médias empresas
4 de maio de 2023
Contabilidade Gerencial: confira como essa ferramenta pode beneficiar a sua empresa frente aos concorrentes
Contabilidade Gerencial: confira como essa ferramenta pode beneficiar a sua empresa frente aos concorrentes
2 de junho de 2023

Quando os sócios se unem para formar uma sociedade, é comum surgir a dúvida sobre qual é a melhor forma de remuneração. Esse é um assunto que pode gerar polêmica, já que há diversas formas de pagamento disponíveis. Mas afinal, qual é a melhor e mais adequada? Continue a leitura e saiba mais.

Existem diferentes maneiras de uma empresa remunerar seus sócios, e isso dependerá do tipo de sociedade e do acordo estabelecido entre os envolvidos. Algumas das formas mais comuns incluem:

Pró-labore: trata-se de uma remuneração mensal paga ao sócio que exerce atividades dentro do negócio. Essa remuneração é comum em empresas limitadas e sociedades individuais, e está sujeita a tributação;

Distribuição de Lucros e Dividendos: representa a parcela dos lucros que é distribuída periodicamente aos sócios, de acordo com a participação de cada um no capital social da empresa. Esse valor não sofre tributação;

Participação nos Lucros e Resultados: trata-se de uma remuneração variável, que depende exclusivamente dos resultados produzidos pela empresa. Essa participação deve estar prevista em acordo entre os sócios ou em convenção coletiva de trabalho. Assim como o pró-labore, essa verba está sujeita a tributação;

Juros sobre o Capital Próprio: representa uma remuneração atrelada à valorização do capital investido na empresa pelo sócio. Esse tipo de remuneração é comum em sociedades anônimas.

Uma vez definida a forma de remuneração dos sócios, é importante que ela esteja prevista no contrato social da empresa e esteja em conformidade com a legislação vigente. É possível inclusive estabelecer uma remuneração desproporcional, levando em conta a participação societária de cada sócio, o tempo de trabalho dedicado ao negócio, além da função desempenhada em benefício da empresa.

O contrato social da empresa deve ser elaborado de maneira personalizada e atender às necessidades específicas do negócio. O uso de modelos padronizados pode gerar conflitos e vulnerabilidades à empresa. Portanto, é recomendável que a remuneração dos sócios seja definida de forma equilibrada e democrática, respeitando a contribuição de cada um para o sucesso da empresa.

Para evitar conflitos societários futuros, é essencial que exista um termo de acordo entre os sócios. Esse instrumento parassocial tem a finalidade de estabelecer regras de convivência e as responsabilidades de cada sócio dentro da empresa, além de prever outras questões relacionadas à remuneração, como a distribuição de lucros, a participação nos resultados e os juros sobre o capital próprio.

Por fim, é importante lembrar que um sócio pode acionar o outro judicialmente caso não receba os valores acordados a título de remuneração. Portanto, é fundamental utilizar todos os recursos que a lei nos disponibiliza para agir de forma preventiva e preservar a empresa.

psgcontabil.com.br 

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Nós coletamos e processamos seus dados, conforme a LGPD e nossas Políticas, para prestar nossos serviços e permitir o funcionamento adequado deste site. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso de cookies.